Nova India Pale Ale (IPA)

Cerveja Artesanal India Pale Ale feita pela Cerveja Monstro
Cerveja Artesanal India Pale Ale feita pela Cerveja Monstro

A nova versão da nossa cerveja inglesa India Pale Ale finalmente está carbonatada e prontinha para ser degustada, alguém quer provar? A presença do lúpulo é marcante no sabor e levemente percebida no aroma, o corpo médio e a presença do malte ajudam no equilíbrio dessa cerveja artesanal que tem teor alcoólico de 6,1% e aproximadamente 59 IBUs. Essa é a quarta leva desse estilo feita por aqui, nessa ultima versão a receita foi completamente alterada, já que agora me sinto mais confiante para elaborar minha própria receita, as primeiras levas foram feitas algum tempo atrás e na época eu estava mais preocupado em chegar ao final do processo de fabricação com sucesso do que em criar algo novo, por isso usei a primeira receita que encontrei na internet.

Depois de alguma pesquisa, cheguei a essa receita, a nova India Pale Ale da Cerveja Monstro:
5kg de malte Pale Ale
0,8kg de trigo maltado
0,4kg de malte Munich
0,4kg de malte Crystal 60L
25g de lúpulo Hallertau Herkules (first wort)
20g de lúpulo East Kent Goldings (20mins)
1 tablete de whirlfloc (15mins)
20g de lúpulo East Kent Goldings (1min)
Levedura Lallemand Nottingham Yeast
30g de lúpulo East Kent Goldings (Dry hop – 5 dias)

As rampas de mosturação foram:
20 mins a 50C
50 mins a 64C
10 mins a 76C

Logo após o término da primeira etapa da filtragem, antes de lavar os grãos, foi feita a primeira adição de lúpulo (first wort) as outras adições foram feitas durante a fervura, respeitando os tempos indicados na receita. O Dry hop foi feito após o término da fermentação, os 30g de lúpulo East Kent Goldings foram colocados em uma hop bag (algo semelhante ao um saquinho de chá) e em seguida adicionados ao maturador para permanecer em contato com a cerveja durante 5 dias. A cerveja foi engarrafada no dia 14 de Janeiro utilizando solução de açúcar para o priming, a nova fermentação / maturação realizada na garrafa demorou mais de 4 semanas para atingir o nível desejado.

A receita acima foi elaborada para uma leva de 20 litros, sendo que a eficiência do processo foi baixa, a OG obtida foi de 1.063SG e a FG 1.017SG. Eu gostaria que a atenuação tivesse sido um pouco maior, não sei se foi uma característica da levedura ou se utilizei menos do que deveria, o fato é que a previsão da FG era de 1.011SG, um pouco abaixo do que obtive. Acredito que essa diferença tem impacto em alguns pontos no resultado final, além do teor alcoólico mais alto, o retrogosto seria mais seco do que é. Um outro ponto foi o resultado do dry hop, eu esperava algo mais marcante, o aroma obtido foi sutil, não sei sei por algo durante o processo ou quantidade insuficiente de lúpulo. Esses são pontos que quero alterar nas próximas versões e mesmo com esses pontos a aprimorar para a próxima leva, essa IPA é uma ótima cerveja artesanal. Adoraria ouvir outras opiniões, alguém disponível?

Acho que essa busca constante por aprimoramento é uma das partes mais legais de se fazer cerveja em casa, então agora é apreciar essa IPA com toda atenção que ela merece e já ir pensando em como concretizar as alterações para as próximas brassagens. Cheers!

Um abraço,
Cerveja Monstro.

16 pensamentos em “Nova India Pale Ale (IPA)”

  1. Acho que o trigo pode ter dificultado essa FG de baixar um pouco, mas na aparência está muito boa cara. Não tenha medo de fazer uma rampa a 62ºC desde que você deixe a OG mais baixa talvez, porque o fermento vai chegar até 75%. É um bom teste para se fazer.

    1. Vamos programar um troca sim, o Cerveja na Guela tem umas cervejas interessantes, vai ser legal.
      Poxa, obrigado, mas além das fotos você tem até vídeo por lá.
      Obrigado pela visita, volte sempre! =D
      abraço

    1. Oi Sidney,

      Não, essa receita não é inovadora não. A palavra “nova” foi empregada nesse caso só para diferenciar essa leva das demais (que seguiam uma outra receita).

      Obrigado pela visita.
      Abraço

  2. Cara. Onde você faz seus rótulos? Queria fazer uns rótulos bacanas para minhas levas… já fiz uma Weiss e uma English Pale Ale (apelidada de “Soborô”)… Agora devo repetir a Weiss (apelidada de “Diliça”) e fazer uma Dubbel e estava pensando em fazer uma parecida com a sua (usando rapadura).

    1. Oi Sidney,

      Cara, uso uma gráfica aqui da minha cidade mesmo, imprimo em vinil, fica bacana e é infinitamente mais fácil de retirar da garrafa do que aqueles da Baden Baden…rs
      Isso é algo relativamente simples, qualquer gráfica faz ou pode te indicar quem faça, eu simplesmente preparo a arte e entrego um JPEG nas dimensões que desejo pros caras. Como imprimo pouca coisa, isso pesa um pouco no preço, mas se você se programar dá pra pagar menos imprimindo uma quantidade maior (para mais de uma leva).

      Boa sorte ai
      Abraço

    1. Oi Lennon,

      Cara, eu utilizei quase 100g de lúpulo, sendo que usei uma variedade para amargor e outra para aroma. Não consigo te responder em pacotes, porque os fornecedores utilizam padrões diferentes de embalagem.
      No post (acima) tem as quantidades que usei e o momento em que elas foram adicionadas no processo.

      Obrigado pela visita.
      Abraço

  3. Derso boa noite !!!
    Cara uma pergunta, após engarrafar sua IPA, comentou q demorou mais de 4 semanas para chegar no ponto desejado. Qual ou quais temperaturas manteve as garrafas ?
    Obrigado
    Abraço

    1. Oi Adriano,

      O ideal é manter na mesma temperatura de fermentação. Mas o tempo para carbonatação pode variar bastante, eu deixaria pelo menos 2 semanas e abriria uma garrafa para testar.

      Abraço

  4. E aí, amigo. Seu blog é super útil pra todos os cervejeiros caseiros sedentos por melhorias em suas brejas.

    Fiz uma American IPA semana passada e estou afim de fazer um dry hopping pela primeira vez. Você comentou que utilizou 30g por 5 dias. Gostaria de saber a que temperatura e se o fermento não pode ficar ‘inativo’ e comprometer a 2ª fermentação. Tenho muito medo de minha breja ficar sem gás porque isso já aconteceu comigo 2x.

    Um abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *